Instalar Skype em plataforma linux 64 bits

O grande problema em utilizar uma distribuição linux em plataforma 64 bits, como é o meu caso que possuo um notebook amd 64 bits, muitos pacotes para linux não tem suporte a esta plataforma, deixando muito usuários tristes sem poder instalar seus pacotes preferidos.

Nesse artigo, orientarei como instalar o skype de 32 bits em uma plataforma 64 bits, “forçando” a instalação do skype através de aplicativos que emulam bibliotecas no sistema de 32 bits. Para tanto, antes de instalar o skype, propriamente dito, você deverá instalar as seguintes bibliotecas, utilizando o seguinte comando abaixo:

sudo aptitude install libqt4-core libqt4-gui

Após a instalação, baixe a versão do Skype para distribuição linux e assim, execute o seguinte comando:

sudo dpkg –force-architecture -i skype*deb

A opção –force-architecture permite a instalação forçada do skype, mesmo que a plataforma não seja o 32 bits, a mesma em que foi compilada o pacote do skype. Concluída a instalação, é só executar o Skype a aproveitar esse pacote de comunicação em sua plataforma 64 bits.

Roney Médice

Analista de Sistemas e Bacharel em Direito

Anúncios

Facção criminosa utiliza internet para escapar dos “grampos” telefônicos

Uma nova forma de utilizar a tecnologia para proveito próprio está sendo difundida em São Paulo. Investigação do Ministério Público de São Paulo apontou que a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) está usando programas de computador como MSN e Skype para contato entre integrantes do grupo. Dessa forma, podemos observar que realmente é fácil burlar o “grampo” telefônico e utilizar o computador para continuar a divulgar e incitar os atos ilícitos, sem ter o menor perigo de ter as conversas gravadas.

Através do programa Skype, que tem o objetivo de trocar conversas mediante teclado ou por conversas “on line”, no qual se utiliza a internet e um computador para fazer o “papel” de um telefone convencional, criminosos estão buscando nesse meio para que suas conversas não sejam interceptadas pelas autoridades policiais e assim, não há o risco de uma conversa seja comprometedora. Já se sabe que advogados estão trabalhando para a defesa desses criminosos através de mensagens trocadas pelo MSN, um programa de bate-bapo na internet mundialmente conhecido. Reuniões e comandos são enviados pelo MSN para que determinadas ações sejam tomadas, ficando as autoridades policiais sem saber sobre o assunto tratado, visto que, as escutas telefônicas autorizadas judicialmente, só tem efeito para o meio tradicional telefônico, ou seja, através de um aparelho de telefone que possui uma linha de telefone.

Resta agora, aos órgão competentes, que busquem novas formas de se combater esse tipo de atividade que com certeza, assim que os criminosos acordarem para o mais novo meio de transmissão “hi-tech” que os possibilitem de “escapar” da escuta telefônica, será a forma mais usada das facções criminosas para continuar com as suas operações ilícitas sem serem importunados, e pior, se comprometerem e serem condenados por suas atitudes “grampeadas”

Roney Médice

Analista de Sistemas e Bachael em Direito