Ameaças aos Sistemas de Informação


A maioria das empresas, em atividade, possue algum software (programa de informática) que gerencia informações importantes para a organização. É claro que nada disso funciona se, no ambiente corporativo, não existir uma preocupação sobre os dados que são mantidos nesses sistemas. Para muitas empresas, principalmente as empresas de contabilidade, trabalham com registros de toda um vida contábel e financeira de outras empresas, e com certeza, os contadores não gostariam de ver suas informações destruídas.

Infelizmente, estamos sujeitos a várias ameaças aos sistemas de informação existente dentro de uma empresa. Todavia, se soubermos atacar de frente essas ameaças, as chances de acontecer algum sinistro mais grave, será menor para aqueles que levam esses fatores à risca. 

Podemos citar algumas ameaças que podem comprometer o bom funcionamento de uma empresa, como por exemplo: falha de hardware. Já imaginou chegar para trabalhar na segunda-feira e perceber que seu computador não liga? Logo o computador que possui os registros financeiros das empresas! Outra ameaça muito comprometedora é a ação humana, que consiste em um empregado descontente com a própria empresa, começa a prejudicar o andamento dos processos internos, apagando propositalmente registros importantes no computador. Pesquisas apontam que essa é uma das ameaças que mais acontencem no ambiente corporativo, e as empresas precisam ter políticas de segurança para evitar que funcionários descontentes, descontem sua raiva na própria instituição.

Precisamos também, nos preocupar com o possíveis incêndios que podem afetar os computadores e outros equipamentos importantes da empresa, como por exemplo, as fitas de backup (dados gavados para segurança em uma mídia removível). Por isso, um bom planejamento estratégico e procedimentos devem ser traçados e divulgados para todos os funcionários, pois assim, com a proliferação da informação, todos terão condições para auxiliar e intervir em momentos críticos, que coloquem em risco as informações da empresa.

Portanto, mesmo que a sua empresa já possua normas e procedimentos, verifique se elas atendem na atualidade. Verifique se podem ser melhorados em relação aos dias de hoje, e principalmente, coloque em prática aquilo que foi padronizado na teoria. Pois não tem coisa pior que, todos sabem como agir no caso de necessidade, mas quando precisar, ninguém toma a iniciativa e fica esperando que outra pessoa execute os procedimentos.

Roney Médice

Analista de Sistemas e Bacharel e Direito

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s