Computação Forense: conhecimento x crime


A Computação Forense vem resgatar a idéia do uso das tecnologias de informática para resolver situações que o senso comum não consegue resolver, pricipalmente no que diz respeito aos crimes digitais (aquele cometidos utilizando como meio, as ferramentas do mundo da informática).

Para combater e chegar aos culpados, a computação forense utiliza procedimentos e técnicas científicas para promover uma investigação sistêmica e real. Nesse caminho, são usados ferramentas de software para recuperar dados formatados (assim pensam os usuários comuns que ao formatar o disco rígido ou pen drive, os dados ali contidos estão destruídos), identificar os autores da modificação em arquivos e muito mais, que sem essas ferramentas, dificultam e muito a investigação dos crimes cometidos na grande rede Internet.

Algumas dessas ferramentas estão disponíveis na Internet, como por exemplo o “Words Extractor”, um programa executável que roda em plataforma windows para visualizar um arquivo executável (.exe) em Hexadecimal. Com isso, observando o executável, poderemos ler alguns traços desse arquvo .exe que contenham strings, e assim, identificar possíveis autores do software, endereços de e-mail, ftp, login, senha, etc.

Outro programa utilizado é o “BadCopy Pro”, que tem o objetivo de fazer uma cópia fiel do HD (Hard Disk) simulando até mesmo os Bad Block’s do disco rígido na imagem criada. Assim, o perito poderá manusear a imagem do HD copiado, sem estragar as evidências digitais do disco rígido original.

Portanto, quando você trocar de computador, vender aquele micro velho, trocar de pen drive, muito cuidado. Suas informações podem (e com certeza estarão) sendo levadas juntas mesmo você acreditando que formatando a mídia, seus dados estão destruídos.

Para uma boa “destruição” dos dados, pelo menos dificulta e muito a ação de espertos, é formatar a mídia (Disco rígido, pen drive, zip drive, etc) pelo menos 5 vezes. Se possível, utilize a tecnologia WIPE com passagem de pelo menos 28 fases de re-escrita e formatação.

Segue abaixo um link com as principais ferramentas utilizadas no mundo da informática:

http://forum.darkc0de.com/index.php?action=vthread&forum=7&topic=3297

 

Roney Médice

Analista de Sistemas e Bacharel em Direito

Anúncios

2 respostas em “Computação Forense: conhecimento x crime

  1. eu naum axo q seja assim tao grave o crime pela ionternet pois os povos sao cada dia m,ais evoluidoos e por essa raza estao ficando mais informatizados i o crime on-line e so uma repercussao de sua fama e seu facil acesso!

  2. Na verdade, o crime por si só já é um agravante de má condura e ainda por cima, uma atitude que vai contra a lei, portanto, é passível de punição, seja ele pessoalmente ou pela internet.

    A graviadade pela internet nós temos que comparar no ambiente corporativo, por exemplo. Digamos que um funcionário deseja efetuar uma compra na internet utilizando um cartão de crédito roubado. Ele vai usar um computador da empresa, que pode ser o dele mesmo, ou aquele que fica disponível para todos os funcionários utilizarem na sala de reunião, enfim, vai fazer a compra e mandar entregar.

    Quem será penalizado pela compra via internet? O empregador? o responsável pela manutenção do computador? O analista de sistemas? Como responsabilizar alguém se o micro é utilizado por todos?

    Essa é a questão da gravidade de se efetuar crimes pela internet, é a dificuldade de responsabilização do autor, que nem sempre é fácil identificar.

    Valeu pelo comentário e é com essas hermenêuticas que desenvolvemos a prática da discussão.

    Abraços,

    Roney Médice

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s